Salário Maternidade

Salário Maternidade

Quando está em licença maternidade, a mulher tem o direito a continuar a receber sua remuneração, mesmo sem estar trabalhando. Esse é o chamado salário maternidade e o Estado é o responsável pelo seu pagamento. O benefício pode ser recebido a partir do 8º mês de gestação ou a partir do nascimento do bebê e o salário será recebido por um período de 120 dias, tempo equivalente à licença maternidade.

Salário Maternidade

Salário maternidade quem tem direito

Até o ano passado, o pagamento dos salários-maternidade era feito diretamente pela empresa empregadora que, então, era reembolsada pelo INSS. Acontece que esse sistema, segundo o próprio INSS alega, dava margem a muitas fraudes e por isso houve uma mudança na legislação criada pela Lei no. 9.876 e pelo Decreto no. 3.265 de 29 de novembro de 1999.

Segundo a nova legislação, os pagamentos são feitos pelo próprio INSS e cabe à trabalhadora procurar o órgão e dar entrada em um requerimento de benefício.

Para a maioria das mulheres a nova legislação trouxe apenas transtornos, já que elas passaram a ter que entrar com um requerimento para obter um benefício que até então acontecia automaticamente, sem que se precisassem fazer nada.

Mas, por outro lado, a legislação traz um grande benefício para aquelas trabalhadoras que contribuíam como autônomas. Essas contribuintes não tinham o direito ao salário-maternidade pela legislação antiga, mas passaram a ter pela legislação nova.

Salário maternidade valor

Em primeiro lugar, é preciso verificar se a empresa em que você trabalha já firmou um convênio com o INSS. Isso porque a lei abre essa possibilidade e várias empresas já firmaram esses convênios. Se esse for o caso, você está com sorte porque seu salário-maternidade vai continuar a ser pago pela empresa como acontecia na legislação antiga.

Caso não haja convênio firmado, você precisará ir até um posto do INSS com os seguintes documentos:

– Requerimento de salário-maternidade;
– Relação dos seis últimos salários fornecida pela empresa;
– Carteira profissional;
– Certidão de nascimento do bebê ou atestado médico.

Se você estiver impossibilitada de comparecer pessoalmente ao posto, pode nomear um procurador (seu marido ou algum parente) para fazer isso em seu lugar.

Depois da conferência dos documentos, o INSS determinará uma agência bancária próxima à sua residência onde será aberta uma conta-benefício, na qual o salário-maternidade será depositado.

Clique aqui e veja tudo sobre Gravidez passo a passo. 

Em termos de valores, temos que a empregada de empresa receberá eu salário mensal integral, a contribuinte individual receberá um valor correspondente à média dos últimos 12 salários-contribuição e a empregada doméstica receberá um valor igual ao seu último salário contribuição.

Ultrassom 3d

Ultrassom 3d

Entre os recentes avanços da Medicina Fetal está a Ultrassom 3D, que mostra imagens com volume do bebê, ainda no útero da mãe, permitindo o diagnóstico de várias doenças, mas principalmente de má formações na face, como lábio leporino, nas extremidades do corpo, nas partes moles e deformidades nas articulações, por exemplo, pé torto.

ultrassom morfológico

Ultrassom morfológico

Uma das vantagens mais significativas do ultrassom 3D é a possibilidade de arquivar as imagens do feto, para estudo posterior do problema e apresentação a outros médicos. Este exame também facilita a compreensão dos pais e fortalece o vínculo entre mãe e bebê.

Clique aqui e veja tudo sobre Endometriose.

O dr. Mário Burlacchini, responsável pelo setor de Medicina Fetal da Omni Serviços Diagnósticos, explica que o Ultrassom 3D é um exame completar à ultra-sonografia tradicional, importante método para diagnosticar se o bebê é saudável, ou detectar doenças e má-formações, facilitando o tratamento durante a gestação ou o parto. O primeiro ultrassom deve ser feito até a oitava semana de gravidez para definir o tempo de gestação, a data do parto e a localização do feto. O segundo deve ocorrer entre 11 e 14 semanas, quando é possível identificar gestações múltiplas, problemas cardíacos, entre outras coisas. Entre 20 e 23 semanas, pode-se detectar 85% das má-formações e avaliar o risco de parto prematuro. No final da gravidez, o exame permite a análise do crescimento e o bem estar fetal.

ultrassom 3d

Quando Fazer

Toda gestante deve fazer a ultrassonografia morfológica, mas para algumas o exame é ainda mais importante: mulheres com  história na família de má-formações, de doenças hereditárias, com mais de 35 anos, grávidas que tiveram infecção recente, como rubéola, ou que tomaram medicamentos que podem comprometer o feto.

Além de confirmar se o bebê é saudável ou não, com o resultado do exame, os pais podem ser orientados e acompanhados durante o pré-natal, pode-se fazer exames complementares, definir a necessidade da adoção de medicamentos durante a gravidez, ou de cirurgia e adequar o parto às necessidades da criança, incluindo, por exemplo, um cardiologista na equipe médica.

Veja aqui a diferença do Ultrassom 3D e 4D:

Pai de primeira viagem

Pai de primeira viagem

Vamos encarar a realidade: a maioria dos homens não acumula muito know-how em termos de bebês durante sua vida. Tudo isso muda com a perspectiva da paternidade. De uma hora para a outra uma criaturinha pequena e frágil se tornará o centro da sua vida e os homens têm que encarar esse desafio sem a vantagem dos anos de brincadeiras de boneca que suas mulheres acumularam. Os futuros papais tendem a ter preocupações pequenas e bobas como o medo de segurar o bebê e preocupações grandes e sérias como o controle da disciplina. A falta de vivência no universo infantil agrava o problema. “Além de eu não saber bem o que estou fazendo, eu tenho a impressão que qualquer coisa que eu fizer errado vai prejudicar o bebê para sempre” diz André Sens, pai da Isabela que está com 5 semanas. A realidade para Pai de primeira viagem,  tende a ensinar boas lições aos homens – depois de algum tempo eles percebem que uma fralda mal trocada não deixa marcas permanentes em seus pimpolhos e aí tendem a relaxar e aproveitar a experiência.

Pai de Primeira Viagem

Fisicamente ninguém pode negar que as mulheres são mais sobrecarregadas durante a gravidez. Muitos futuros papais, contudo, acreditam que levam a pior emocionalmente. Isso porque o peso da paternidade tem que ser levado sozinho já que a maioria dos homens têm muito medo de demonstrar sua fragilidade. O prospecto de se tornar pai de alguém é algo muito grande e carrega um sem número de incertezas. No entanto não estamos acostumados a ver futuros papais por ai tendo crises de choro tão comuns e esperadas nas futuras mamães.
Por tudo isso é muito importante tentar compreender as ansiedades do futuro papai que merece tanta atenção nesse período tão delicado quanto suas companheiras.

texto para pai

Texto para Pai

A maioria dos futuros papais acredita que a partir do momento do nascimento do bebê terão de trocar seus divertimentos por trocas de fraldas e mamadeiras. E, sejamos sinceras, eles estão certos quanto a isso. Mas poucos conhecem a recompensa por esse sacrifício. Segundo Maurício Caldas, pai de um menino de 2 anos e de uma menina de 10 meses, os fins de semana jogando futebol com os amigos fazem parte do passado mas “o que ficou no lugar dos meus antigos divertimentos é bem melhor. Cada vez que abraço meus filhos me esqueço de tudo que tive que abrir mão por eles.” Essa ansiedade tende a passar uma vez que o pai puder pegar o bebê no colo e sentir toda a força do amor que sente por aquela criaturinha.

Se tiver alguma dúvida sobre Sonhar com Gravidez – Clique aqui.

Período Fértil

Período Fértil

Para os casais que estão tentando engravidar é muito importante saber o período em que a mulher está mais fértil. Estima-se que o esperma pode fertilizar um óvulo durante 24 a 48 horas após a ejaculação e que o óvulo pode ser fertilizado durante as 12 a 24 horas após a ovulação. Por isso, saber quando o Período Fértil está para acontecer pode aumentar em muito suas chances de engravidar.

Período Fértil

Como saber o período fértil – Temperatura

Uma das maneiras de saber quando a ovulação ocorre é a observação da temperatura corporal. A maioria das mulheres têm uma pequena diminuição na temperatura logo antes da ovulação e logo depois sua temperatura aumenta, coincidindo com o momento da ovulação. Essa temperatura mais elevada pode voltar ao normal após alguns dias ou permanecer até o momento da menstruação.

Esse método requer bastante disciplina e cuidado nas medições e anotações da temperatura. Você precisará de um gráfico (que pode ser obtido através do seu médico ou serviço de saúde) e de um termômetro confiável. Mantenha o gráfico e o termômetro ao lado da cama e tire a temperatura todas as manhãs, antes de se levantar. Marque a temperatura no gráfico, marcando também os dias em que você estiver menstruada.

O dia em que sua temperatura começar a subir deve ser o dia em que você ovulou. Para otimizar as chances de gravidez é importante manter relações sexuais diárias nos três dias anteriores e dois dias posteriores ao dia da ovulação.

É importante lembrar que esse método não é totalmente preciso. Algumas delas não têm nenhum aumento de temperatura no momento da ovulação e apresentarão um gráfico uniforme durante todo o ciclo. Outras podem ter alterações tão discretas que passam desapercebidas. Há ainda outro fator a ser levado em conta que é o aumento de temperatura corporal devido a outros fatores, como gripes ou infecções.

Clique aqui e descubra algumas dicas sobre Cesariana. 

Mesmo aquelas mulheres com ciclos regulares e que apresentem um aumento de temperatura no momento da ovulação devem utilizar esse método como um auxílio e nunca deixar que ele se transforme na diretriz de suas vidas sexuais. Afinal, tirar a espontaneidade do ato sexual e transformá-lo num dever a ser cumprido não faz bem a ninguém.

Muco Cervical

Muco Cervical

Outra mudança que ocorre logo antes da ovulação é a modificação do muco cervical. O muco cervical normal é opaco, com consistência mais densa e aparece em pouca quantidade. Quando a ovulação está para ocorrer o muco se torna mais abundante, menos denso e mais transparente. Muitas mulheres descrevem o muco cervical que antecede a ovulação como uma “clara de ovo”.

Para conhecer as alterações no seu muco e assim saber identificar o momento provável da ovulação é importante que durante todo o seu ciclo você analise diariamente o muco cervical. Só assim você conhecerá o seu próprio organismo e poderá diferenciar o seu “muco normal” do seu “muco pré-ovulatório”.

Calcular período fértil

Veja aqui algumas dicas para saber como calcular seu período de maneira segura.

Toxemia

Toxemia – O que é

Anteriormente conhecida como pré-eclâmpsia, essa condição se caracteriza por um aumento na pressão induzido pela gravidez. Dependendo da severidade do quadro, essa doença pode levar a interrupção da gravidez já que pode colocar a vida da mãe em risco. Ninguém sabe ao certo o que causa esse problema mas ela ocorre mais frequentemente na primeira gestação e ataca um número maior de mães mal nutridas. As pesquisas sobre o assunto continuam e espera-se que em breve a toxemia seja mais bem entendida.

toxemia

Sintomas Toxemia

Os sintomas  incluem aumento da pressão arterial, presença de proteína no exame de urina e inchaço acentuado na face e nas extremidades. Se o quadro não é tratado e se desenvolve a forma mais grave da doença, os sintomas incluem ainda dor de cabeça, visão turva e insuficiência renal. Ela não tratada pode levar a um quadro de eclâmpsia (Clique aqui) em que a mãe tem convulsões, pode entrar em coma e até morrer.

Tratamento Toxemia

Se não for tratada essa doença possa ser fatal mas, na maioria dos casos, quando a mãe recebe cuidados pré-natais adequados, os sintomas são descobertos bem no início, havendo a possibilidade do tratamento e controle do quadro até o final da gestação. A única cura total conhecida para a toxemia é a retirada da placenta. Por isso, se o quadro estiver fora de controle e a vida da mãe estiver em perigo, o médico pode ter que optar pela interrupção da gravidez ou pelo parto prematuro, dependendo do estágio da gestação.

Sinais de gravidez

Sinais de gravidez

sintomas de gravidez

Algumas mulheres apresentam apenas um ou dois sintomas no começo da gravidez. E muitas não sentem nada. Para outras, a gravidez pode passar completamente despercebida por semanas, e a desconfiança só surge quando a menstruação não vem.

Os sinais de gravidez mais comuns são: Quando a pele da aréola, em torno do mamilo fica mais escura e as veias dos seios, mãos ou pés ficam mais acentuadas. Caso esteja grávida, com oito dias depois da ovulação, pode ocorrer pequenos sangramentos vaginais e um pouco de cólica.

Outro sinal é a vontade de fazer xixi a toda hora. Isto acontece quando o embrião se implanta e começa a produzir o hormônio gonadotropina coriônica humana o HCG. Porém para algumas mulheres, fazer mais xixi é uma característica do período pré-menstrual, sendo assim o sintoma pode ser mascarado.

Muitas mulheres no início da gravidez, apresentam um grande cansaço e muito sono. Isto porque o organismo da mulher grávida apresenta uma alta concentração de progesterona que a deixa exausta. O sono excessivo é uma característica do início da gravidez.

Sinais de gravidez

Quando se esta grávida, os seios ficam cada vez mais inchados e doloridos. Os mamilos também podem ficar mais sensíveis. Quando o organismo se acostumar aos novos níveis hormonais, o incômodo melhora.

Um sinal muito frequente é a alteração do paladar e olfato. Muitas não suportam cheiro de alho ou aquele alimento que você gosta muito, passa a não gostar. Outro sintoma que incomoda muito são os enjoos.

Caso Tenha o ciclo menstrual regular e sua menstruação esta atrasada, o melhor é fazer um teste de gravidez. Pode ser um teste de farmácia. Caso o teste dê positivo, procure seu médico de confiança e comece o pré-natal.

Começando o tratamento no início da gestação só traz benefícios ao feto. Há um controle da glicose no sangue é indicado ácido fólico, ferro e controle da pressão arterial. E o mais importante evitar o consumo de álcool ou drogas nocivas ao bebê.

Parto Normal

Parto Normal

Os benefícios do Parto Normal

parto normal

Caso possa ter sua criança de parto normal é a melhor opção. No parto normal a criança respira melhor, o leite desce mais rápido e a recuperação também é mais rápida. O parto normal é um processo natural de uma gravidez.

Por esta razão descarte a cesária caso não tenha sido indicada por seu médico. Quando a criança passa pelo canal da vagina, o tórax do bebê se comprimi, assim como o resto do corpo.

Neste processo o líquido amniótico é expelido pela boca de dentro de seus pulmões, isto ajuda e facilita a criança respirar. Com a cesária o bebê pode apresentar um desconforto respiratório e desenvolver insuficiência respiratória e também pneumonia.

Quando a mulher esta no trabalho de parto, o organismo libera um hormônio chamado ocitocina e prolactina, isto ajuda a dilatar os alvéolos, onde é produzido o leite e todas as estruturas da mama envolvidas com a lactação, proporcionando maior produção de leite.

Com a cesária a descida do leite demora um pouco mais, leva de dois a cinco depois que o bebê nasce para o leite aparecer. Muitas mulheres, fogem do parto normal por medo da dor. Mas hoje as futuras mamães podem contar com a analgesia ela controla a a dor na hora do parto.

É uma anestesia que possibilita amenizar a dor na hora do parto, mas não tira totalmente a sensibilidade na região pélvica. Afinal é importante sentir as contrações e ajudar a impulsionar o bebê para fora.

O melhor do parto normal, a recuperação é rápida, após algumas horas a mamãe pode levantar e caminhar. Quarenta e oito horas após, mãe e bebê estão liberados. No caso da cesária a mulher só recebe alta entre sessenta e setenta duas horas após o parto e leva geralmente de trinta a quarenta para recuperação da cirurgia.

Dieta para Gestante

Dieta para Gestante

Ganhando a quantidade certa de peso durante a gravidez com uma Dieta para gestante. Saudável e equilibrada é um bom sinal de que seu bebê está recebendo todos os nutrientes de que necessita e está crescendo a um ritmo saudável.

Dieta para gestante

Não é necessário “comer por dois” durante a gravidez. É verdade que você precisa de calorias extras de alimentos ricos em nutrientes para ajudar seu bebê a crescer, mas você geralmente precisa consumir apenas 100 a 300 calorias a mais do que você fez antes de engravidar para satisfazer as necessidades de seu bebê crescer.

Pergunte ao seu prestador de cuidados de saúde quanto peso você deve ganhar durante a gravidez. Uma mulher de peso médio antes da gravidez deve ganhar 25 a 35 quilos durante a gravidez. Mulheres com baixo peso devem ganhar 28-40 libras durante a gravidez. As mulheres com sobrepeso pode precisar ganhar apenas 15-25 quilos durante a gravidez. Você pode precisar ganhar peso mais ou menos, dependendo do que seu médico recomenda.

Dieta para Grávidas

Em geral, na Dieta para gestante você deve ganhar cerca de 2 a 4 quilos durante os primeiros três meses de gestação e 1 quilo por semana para o resto de sua gravidez. Se você está esperando gêmeos você deve ganhar 35 a 45 quilos durante a gravidez. Esta seria uma média de 1 de libras e meia por semana após o ganho de peso usual nos primeiros três meses.

É SEGURO PARA PERDER PESO QUANDO GRÁVIDA?

Em alguns casos, quando uma mulher é obesa, é seguro para perder peso durante a gravidez sob a supervisão de um profissional da área médica. No entanto, na maioria dos casos as mulheres não devem tentar perder peso durante a gravidez.

COMO POSSO OBTER A QUANTIDADE CERTA DE PESO DURANTE A GRAVIDEZ?

Se o seu médico recomenda a ganhar mais peso durante a gravidez, aqui estão algumas sugestões:

Coma cinco a seis refeições pequenas e freqüentes a cada dia.
Mantenha rápidas, lanches fáceis na mão, como nozes, passas, queijo e biscoitos, frutas secas e sorvete / iogurte.
Espalhe a manteiga de amendoim na torrada, biscoitos, maçãs, bananas, ou aipo.Uma colher de sopa de manteiga de amendoim cremosa irá fornecer cerca de 100 calorias e sete gramas de proteína.
Adicione o leite desnatado em pó para alimentos tais como purê de batatas, ovos mexidos e cereais quentes.
Adicionar condimentos para a sua refeição, como manteiga ou margarina, creme de queijo, molho de carne, creme de leite e queijo.

O QUE DEVO FAZER SE EU GANHAR MUITO PESO DURANTE A GRAVIDEZ?

Se você ganhou mais peso do que o recomendado durante o início da sua gravidez, converse com seu médico assistente. Na maioria dos casos, não é adequado com a intenção de tentar perder peso durante a gravidez.

dieta na gestação

Certifique-se de comer uma variedade de alimentos para obter todos os nutrientes que você e sua necessidade do bebê. Aqui estão algumas dicas para retardar o ganho de peso:

Quando comer fora em um restaurante fast food, escolher itens mais baixos de gordura, como sanduíche de peito de frango grelhado com tomate e alface (sem molho ou maionese) salada, com molho light, biscoitos simples ou uma batata comum cozida. Evite alimentos fritos, como batatas fritas, palitos de mussarela, ou hambúrgueres de frango à milanesa.

Evite produtos lácteos integrais. Você precisa de pelo menos quatro porções de produtos lácteos por dia. No entanto, usar leite desnatado, 1% ou 2% do leite irá reduzir muito a quantidade de calorias e gordura que você come. Também escolher queijo com baixo teor de gordura ou sem gordura ou iogurte.
Limite as bebidas doces ou açúcar. Bebidas açucaradas, como refrigerantes, ponche de frutas, bebidas de frutas, chá gelado, limonada, ou misturas de bebidas em pó fornecem muitas calorias com pouco nutrientes. Escolha água, club soda ou água mineral para evitar as calorias extras.

Não adicione sal aos alimentos quando se cozinha. O sal faz com que seu corpo a reter água e é ruim para Dieta para gestante.

Limite doces e lanches altamente calóricos. Biscoitos, doces, donuts, bolos, xarope, mel, batata frita e fornecer muitas calorias, com pouca alimentação.Tente não comer estes tipos de alimentos todos os dias. Em vez disso, tente frutas frescas, iogurte desnatado, bolo de anjo alimentos com morangos ou como snack pretzels de baixa caloria e opções de sobremesa.

Use as gorduras com moderação. As gorduras incluem os óleos de cozinha, margarina, manteiga, molhos, molhos, maionese, molhos para saladas, molhos regulares, banha, creme de leite e queijo creme. Tente os substitutos mais baixos de gordura que estão disponíveis para esses alimentos.
Preparar refeições, utilizando métodos de baixo teor de gordura para cozinhar.Alimentos para fritar em óleo ou manteiga vai aumentar as calorias e gorduras do que a refeição. Assar, grelhar, assar, ferver ou são mais saudáveis, mais baixos de gordura métodos de cozimento.

O exercício moderado, como recomendado pelo seu médico, pode ajudar a queimar as calorias em excesso.- Veja aqui alguns exercícios para grávidas – Caminhada ou natação é geralmente seguro, exercícios eficazes para as mulheres grávidas. Mas, não se esqueça de falar com seu médico antes de iniciar um programa de exercícios.

Exercícios para grávidas

Exercícios para grávidas

Aqui estão alguns exercícios para grávidas que ajudarão você a manter a forma durante a sua gravidez .

Lembre-se: Antes de começar qualquer programa de exercício , consulte o seu prestador de cuidados de saúde. Seu médico pode lhe dar orientações de exercícios pessoais, com base no seu histórico médico.

Exercícios para grávidas

Exercícios na gravidez

Alongamento exercício fazer o limber músculos e quente, que pode ser especialmente útil quando você está grávida. Aqui estão alguns alongamentos simples que podem ser executadas antes ou após o exercício.

  • Rotação do pescoço: Relaxe o pescoço e ombros. Solte a cabeça para frente.Gire lentamente a cabeça para o ombro direito, volta para o meio, e sobre o ombro esquerdo. Complete quatro, lentas rotações em cada direção.
  • Rotação do ombro: Traga os seus ombros para a frente e gire-os em direção às orelhas e, em seguida, de volta para baixo. Faça quatro rotações em cada direção.
  • Natação: Coloque os braços em seus lados. Traga o seu braço direito para cima e estender o seu corpo para frente e torcer para o lado, como se nadar o curso de rastreamento. Siga com o braço esquerdo. Faça a seqüência de dez vezes.
  • Mudança coxa: Fique com um pé sobre dois pés na frente do outro, os dedos apontados para a mesma direção. Inclinar para a frente, apoiando o seu peso sobre a coxa para a frente. Mudar de lado e repita. Fazer quatro em cada lado.
  • Perna tremer: Sentar com as pernas e os pés estendidos. Mover as pernas para cima e para baixo em um movimento suave agitação.
  • Rotação do tornozelo: Sentar com as pernas estendidas e manter seus dedos relaxados. Gire os pés, fazendo círculos grandes. Use seu pé inteiro e tornozelo. Gire quatro vezes nos momentos certos e quatro à esquerda.

Exercícios para gestantes

Os Exercícios para gravidas de Kegel ajudam a fortalecer os músculos que suportam a bexiga, útero e intestino. Ao fortalecer esses músculos durante a gravidez, você pode desenvolver a habilidade de relaxar e controlar os músculos em preparação para o parto. Os exercícios de Kegel são também altamente recomendado durante o período pós-parto para promover a cicatrização dos tecidos perineais, aumentar a força dos músculos do assoalho pélvico e ajudar esses músculos retornar a um estado saudável, e também aumentar o controle urinário.

Exercícios para gestantes

Para fazer Kegels, imagine que você está tentando parar o fluxo da urina ou tentando não passar de gás. Quando você fizer isso, você está contraindo os músculos do assoalho pélvico e está praticando exercícios de Kegel. Ao fazer os exercícios de Kegel, não tente mover sua perna, nádegas ou os músculos abdominais. Na verdade, ninguém deve ser capaz de dizer que você está fazendo exercícios de Kegel. Então você pode fazê-los em qualquer lugar!

Recomendamos fazer cinco séries de exercícios de Kegel por dia. Cada vez que você contrair os músculos do assoalho pélvico, conte lento de cinco e depois relaxe. Repita dez vezes para um conjunto de Kegel.

sua gravidez .

Lembre-se: Antes de começar qualquer programa de exercício , consulte o seu prestador de cuidados de saúde. Seu médico pode lhe dar orientações de exercícios pessoais, com base no seu histórico médico.

Exercícios que gravida pode fazer

Exercícios para grávidas Tailor fortalecer o quadril, pélvico e músculos da coxa e pode ajudar a aliviar a dor lombar.

  • Tailor sentar-se: Sente-se no chão com os joelhos dobrados e as pernas cruzadas. Incline-se ligeiramente para a frente, e manter as costas retas, mas relaxado. Use esta posição sempre que possível ao longo do dia.
  • Imprensa Tailor: Sente-se no chão com os joelhos dobrados e as solas dos seus pés juntos. Segure os tornozelos e puxe seus pés suavemente em direção ao seu corpo. Coloque as mãos sob os joelhos. Inspire. Enquanto pressiona os joelhos para baixo contra as mãos, pressione as mãos para cima contra os joelhos (contra-pressão). Segure por uma contagem de cinco.

Enxoval de Bebê

Enxoval de Bebê

A lista abaixo serve como um guia para que você se certifique que não está esquecendo nada no enxoval do seu recém-nascido. É sempre bom lembrar que os bebês perdem as roupas muito rápido e por isso não vale a pena comprar muitas peças, especialmente as no tamanho RN. Não se esqueça também que seu bebê vai receber muitos presentes já que é de praxe que as visitas levem pelo menos uma lembrancinha. Deixe para comprar as peças maiores mais tarde. Para que encher o guarda roupas do bebê com peças que ele só vai usar daqui a 8 ou 9 meses?

Enxoval de Bebê

Lista de Enxoval de Bebê

No guarda roupas:

As necessidades de roupas variam dependendo do clima da região e da época do ano em que o bebê nascer. Um bebê que nasça no inverno em uma região fria vai precisar de agasalhos mais pesados e mais quantidade de roupinhas pois o tempo de secagem pode ser muito maior. Já a mamãe que vá ter um bebê em fevereiro e que more em uma região quente, pode dispensar os casaquinhos de lã e investir em roupinhas bem leves.

3 mantas
3 viras de manta
6 cueiros
6 conjuntos pagão
6 culotes
3 casaquinhos
6 sapatinhos ou meias quentinhas
6 camisetas de baixo, tipo “body”
3 macacões compridos
3 macacões curtos
6 lençóis
10 fraldinhas de ombro

lista Enxoval de Bebê

Alimentação:

Nesse item também há variações já que a mamãe que pretende amamentar o bebê exclusivamente no peito vai precisar de menos mamadeiras do que aquela que se decidir pela alimentação mista ou exclusivamente pela mamadeira. Como muitas vezes essa decisão só acontece depois do nascimento do bebê é bom estar preparada! Vale lembrar que a maioria dos itens ligados à alimentação são exelentes pedidos para a lista de chá de bebê.
1 esterilizador de mamadeira
1 esterilizador de microondas
1 conjunto de escovas para lavar mamadeiras
1 pinça para esterilização
1 panelinha com tampa (para ferver água)
1 garrafa térmica (para mater a água quente)
3 mamadeiras grandes (250ml)
3 mamadeiras médias (160ml)
3 mamadeiras pequenas (80ml)
1 mamadeira de remédio
6 chupetas
3 prendedores de chupeta
Recipientes plásticos para guardar as mamadeiras/chupetas limpas

Higiene:

A variedade de produtos para a higiene do bebê no mercado hoje em dia é enorme por isso vale a pena conversar com seu pediatra para saber quais as marcas de sabonete, pomada para a troca de fraldas e lenços umidecidos que ele indica. Aproveite para saber que produtos serão necessários para o curativo do umbigo. As necessidades básicas para a higiene do recém-nascido são:

1 banheira (as que têm pé também podem ser usadas como trocador)
1 balde para encher a banheira (não deve ser utilizado para nenhum outro fim)
1 saboneteira
3 toalhas de banho
6 toalhas-fralda (são bem macias e indicadas para secar o recém-nascido)
Escova de cabelo e pente
Tesourinha ou cortador de unha próprio para bebês
Algodão
Gaze (se o pediatra indicar para o curativo do umbigo)
Álcool (para limpar a banheira antes do uso)
Potes com tampa para guardar algodão, gaze etc

Fraldas:

A maioria das mamães hoje em dia opta pelas fraldas descartáveis. Se esse é o seu caso você pode aproveitar o chá de bebê e pedir fraldas ou mesmo fazer um chá de fraldas. De qualquer forma, é bom ter um estoque mínimo 10 pacotes de fraldas tamanho “P” no Enxoval de Bebê. Se você se decidir pelas fraldas de pano, será necessáro ter em torno de 60 fraldas.