Melasma

Melasma

As alterações hormonais da gestação causam mudanças importantes no corpo da mulher, inclusive alterações cutâneas.
Para tentar evitar essas alterações, a mulher deve ter certos cuidados especiais. Um fator importante é a fotoproteção através de filtros físicos e químicos, e mesmo redução da exposição solar, que contribuem para que não surjam as manchas escuras na pele (melasmas), comuns na gestante.
Continue lendo “Melasma”

Mioma

Mioma Uterino

Os miomas são nódulos benignos de tecido muscular que aumentam ou deformam o útero e, as vezes o colo. Miomas se originam das células de músculo liso da parede do útero. Na maioria dos casos existem miomas múltiplos, mas ocasionalmente pode ocorrer um mioma único.. Foto Estima-se que ocorram miomas uterinos em uma em cada quatro mulheres americanas. . Geralmente, miomas tendem a se desenvolver nas mulheres que estão entre 30 e 40 anos de idade, e diminuem depois da menopausa. A maioria não requer tratamento. No entanto, podem causar sangramento uterino excessivo, dor, sensação de pressão em baixo ventre, e, menos frequentemente, esterilidade, aborto, e parto prematuro.

Continue lendo “Mioma”

Tampão Mucoso

Tampão Mucoso

Tampão de muco do colo do útero protege feto de bactérias

Nas gestantes, um tampão formado pelo muco presente no colo do útero funciona como uma barreira física entre o feto em desenvolvimento e os microrganismos que podem provocar parto prematuro ou outras complicações. Agora, pesquisadores informaram que esse tampão de muco também apresenta propriedades antimicrobianas que eliminam bactérias como o “Streptococcus” do grupo B e a “Escherichia coli”.

Continue lendo “Tampão Mucoso”